SAC SAC Deficiente Auditivo ou de Fala contato para deficientes Auditivos
20/05/2019

Combate a fraude no Seguro DPVAT

20/05/2019

Previdência privada: reservas atingem R$ 857 bilhões

20/05/2019

Previdência aberta terá R$ 1 trilhão em patrimônio até o final deste ano

20/05/2019

Empresas com investimentos represados

20/05/2019

Dólar cai com leilão de linha e exterior, mas cautela com política limita ajuste

20/05/2019

Selic no fim do ano segue em 6,50%, revela Focus

20/05/2019

IGP-M desacelera a 0,58% na segunda prévia de maio, aponta FGV

17/05/2019

Dólar abre além de R$ 4 pelo 3º dia com cautela local e de olho em EUA e China

17/05/2019

Inflação de Porto Alegre desacelera para 0,33% na segunda semana de maio, revela FGV

17/05/2019

Diretor comercial do Grupo MBM assume mandato na FenaPrevi

17/05/2019

Setor de seguros brasileiro vê explosão de startups

17/05/2019

Seguro contra inadimplência tem alta de 25,5% no primeiro trimestre do ano

17/05/2019

Como criar aplicativos 100% seguros?

17/05/2019

Cenário adverso interno e externo faz Ibovespa cair e operar aquém dos 90 mil

15/05/2019

Maio Amarelo: conheça a campanha nacional de 2019

15/05/2019

China vai abrir ainda mais os setores bancários e de seguros

15/05/2019

Nova norma para insurtechs deve sair em 30 dias, diz Solange Vieira, da Susep

15/05/2019

Especial Maio Amarelo: comparação de número de crimes violentos a mortes no trânsito é destaque na mídia

15/05/2019

?A empresa onde trabalho tem plano de previdência privada com coparticipação. Vale a pena??

15/05/2019

Futuros dos investimentos

15/05/2019

Atividade econômica apresenta queda de 0,68% no primeiro trimestre

03/05/2019

Insurance, conheça todos os detalhes sobre os seguros

03/05/2019

Seguradora Líder promove encontro com Sindicatos das Seguradoras de todo o Brasil

03/05/2019

Mitos e verdades sobre a previdência privada

03/05/2019

Previc e Susep apresentam propostas para fusão das reguladoras de previdência

03/05/2019

Governo vai usar medida provisória para fusão entre Susep e Previc

03/05/2019

A reforma da Previdência e a espera de Godot

03/05/2019

‘Pílulas’ para tornar sonhos em realidade

26/04/2019

Levy diz que reforma pode favorecer investimentos em infraestrutura

26/04/2019

Reforma aumenta a procura por previdência privada no Vale do Paraíba

26/04/2019

Reforma da Previdência reduz subsídios para ricos, diz secretário

26/04/2019

Advogado alerta para riscos da capitalização da Previdência proposta pela Reforma

26/04/2019

Ministério eleva em 15% economia com PEC da Previdência e defende aprovação na íntegra

26/04/2019

Dólar sobe após PIB dos EUA e com reforma da Previdência no radar

26/04/2019

Confiança do comércio fica estável em 96,8 pontos em abril ante março, diz FGV

23/04/2019

Previdência com seguro?

23/04/2019

IR 2019: Seguro obrigatório de carro DPVAT é isento, mas deve ser informado

23/04/2019

Aproveite a segunda-feira para investir e planejar seu futuro

23/04/2019

Ramo de pessoas deve impulsionar crescimento do mercado de seguros em 2019

23/04/2019

Mudanças na aposentadoria

23/04/2019

Otimismo com CCJ e Nova Iorque em alta levam Ibovespa acima dos 95 mil pontos

23/04/2019

Dólar oscila à espera de votação da Previdência na CCJ

18/04/2019

Plano de previdência privada é impenhorável, decide TRT-2

18/04/2019

Tem previdência privada? Saiba como declarar valores no Imposto de Renda

18/04/2019

Procura por seguros cresce no primeiro trimestre e demonstra preocupação do brasileiro com a insegurança

18/04/2019

Crescimento do seguro de vida no setor audiovisual

18/04/2019

Temor da ‘caneta’ no setor público atrai seguradora

18/04/2019

62,8% das empresas corretoras de seguros estão no Sudeste

18/04/2019

Arrecadação do mercado de seguros avança dois dígitos até fevereiro

15/04/2019

Executivos explicam segredo para crescimento de 171,19% da União Seguradora

12/04/2019

Volta à Câmara projeto que exige de corretor de seguros habilitação da Susep

12/04/2019

Uma providência para a previdência privada

12/04/2019

Você conhece os benefícios de investir em uma previdência privada?

12/04/2019

O acordão da Previdência

12/04/2019

Juros futuros fecham em alta com ambiente político conturbado

12/04/2019

Bolsas da Europa fecham em alta com dados da China e balanços dos EUA

12/04/2019

Investidor estrangeiro retira R$ 643,455 milhões da B3 no dia 10

10/04/2019

Relatório Anual 2018 da Seguradora Líder é destaque na mídia

10/04/2019

Seguro de vida: STJ afirma que seguradoras devem provar má-fé de seus clientes para recusar benefício

10/04/2019

Aposentadoria Privada x Aposentadoria Pública: Qual escolher?

10/04/2019

Minoria poupa ou tem investimento para a velhice, aponta Datafolha - Folha de S. Paulo

10/04/2019

Previdência e planejamento financeiro no mundo multitarefas

10/04/2019

Datafolha aponta que 51% são contra reforma da Previdência proposta por Bolsonaro

10/04/2019

IPO da Corsan vai patrocinar concessões

08/04/2019

Seguradora Líder promove treinamentos e encontros com foco no atendimento aos beneficiários do Seguro DPVAT

08/04/2019

O seguro é mais seguro

08/04/2019

Diretores da Susep são exonerados

08/04/2019

Lei de proteção de dados para o mercado de seguros

08/04/2019

Semana começa com mercados asiáticos sem direção

08/04/2019

Proposta de criação da capitalização é praticamente abandonada no País

08/04/2019

Política segue no foco do mercado na semana

05/04/2019

Os benefícios de investir em uma previdência privada

05/04/2019

Mercado cresceu 4,4% no primeiro bimestre

05/04/2019

Indenização do seguro precisa ser declarada no imposto de renda

05/04/2019

Superintendente da Susep diz que mercado é ?gigante?

05/04/2019

Não deveríamos discutir a reforma, mas sim se a Previdência deveria existir

05/04/2019

O Empresário e o Seguro

05/04/2019

Bolsas da Europa fecham sem sinal único, com EUA-China e Brexit no radar

02/04/2019

População com mais de 60 cresce e movimenta cerca de R$ 1 trilhão

02/04/2019

Valor publica especial sobre Previdência Aberta

02/04/2019

SUSEP divulga novas regras para segmento de seguro

02/04/2019

Você conhece os benefícios de investir em uma previdência privada?

02/04/2019

A vida em primeiro lugar

02/04/2019

Seguro de vida cresce 10% e revela mudança no comportamento do brasileiro

02/04/2019

Exterior e cautela com Previdência limitam ganhos do Ibovespa

18/03/2019

Pesquisa diz que 56% dos brasileiros vão contar apenas com o INSS

18/03/2019

Como começar a investir em uma renda variável?

18/03/2019

Devo ficar no plano corporativo de previdência após demissão?

18/03/2019

IFRS 17 promove transformação no segmento de seguros

18/03/2019

Ibovespa sobe 0,88% e atinge marca inédita dos 100 mil pontos

18/03/2019

Bolsas da Europa sobem após votação do Brexit nesta terça ser descartada

13/03/2019

Seguro de vida é plano de risco que mais cresce em razão da violência

13/03/2019

Previdência privada perdeu 224 mil participantes

13/03/2019

Empresários projetam ano com avanço lento em encontro no Marcas de Quem Decide

13/03/2019

Previdência privada é opção para quem planeja bem o futuro

13/03/2019

Mercado opera atento a trâmite da Previdência

13/03/2019

Brasil vai ser se configurar como líder de crescimento em seguros

13/03/2019

Previdência Privada: O seu futuro começa agora!

08/02/2019

As principais tendências e expectativas de crescimento do mercado de seguros para 2019

08/02/2019

Planejamento da aposentadoria: muito além da reforma

08/02/2019

Mercado de seguros tem lucro de R$ 14,7 bilhões

08/02/2019

Proposta da previdência concede aposentadoria básica de até 700 reais para todas as pessoas

08/02/2019

Alerta para o Corretor de seguros, segmento oferece grandes oportunidades em 2019

08/02/2019

Contribuição Sindical e sua importância

08/02/2019

Tribunal de Contas identifica "deficiências" na privatização das seguradoras da Caixa

06/02/2019

Como garantir seu futuro investindo na previdência privada?

06/02/2019

Com reforma da Previdência como prioridade, governo adia promessas

06/02/2019

Nove a cada dez brasileiros aposentados dependem do INSS pra sobreviver

06/02/2019

Proposta para a Previdência prevê aposentadoria integral para servidor só aos 65 anos

06/02/2019

Os seguros diante dos desastres socioambientais

06/02/2019

Quatro maneiras de aumentar o seguro de assistência a idosos com Internet das Coisas e Inteligência Artificial

06/02/2019

'Não é o mercado que vai resolver a desigualdade social', diz governador do ES

04/02/2019

Mercado livre de energia busca crescimento

04/02/2019

Começa a contagem regressiva para declarar Imposto de Renda

04/02/2019

Reforma da Previdência: por que 4 países da América Latina revisam modelo de capitalização, prometido por Guedes ...

04/02/2019

Mercado reduz expectativa de alta do IPCA para 2019

04/02/2019

Bolsas da Europa fecham sem sinal único, em dia de foco em empresas

04/02/2019

'Rio Grande do Sul é o maior desafio do Brasil', afirma secretária de Planejamento

04/02/2019

Porto Seguro lucra 34% mais e atinge R$ 1,3 bilhão em 2018

01/02/2019

Funpresp: qual a melhor decisão?

01/02/2019

Imposto de Renda 2019: O leão está chegando!

01/02/2019

O custo da herança: seguro de vida auxilia herdeiros a pagarem despesas para ter acesso ao dinheiro

01/02/2019

Corretor de Seguros deve ficar atento em algumas situações para não ser punido

01/02/2019

Repetitivos e outros casos de destaque na pauta do primeiro semestre de 2019

01/02/2019

Dólar tem maior queda para o mês de janeiro desde 2012

01/02/2019

Estudo aponta para potencial de seguros em mercados emergentes

23/01/2019

Seguros podem ser a ?Tábua de Salvação? em questões de saúde

23/01/2019

Susep preparada para novo Brasil

23/01/2019

Conheça algumas razões para contratar um seguro de vida

23/01/2019

Seguros podem ser a ?Tábua de Salvação? em questões de saúde

23/01/2019

Produção de seguro direto cresceu 11,7% para mais de 12,9 mil milhões no ano passado

23/01/2019

Novos riscos e novos seguros

23/01/2019

Processo de pagamento do prêmio do Seguro DPVAT é destaque na imprensa brasileira

21/01/2019

Planejamento pra garantir o futuro

21/01/2019

Capitalização

21/01/2019

Você está preparado para a reforma da Previdência?

21/01/2019

'Aposentadoria como conhecemos hoje vai desaparecer', diz economista

21/01/2019

Regime de capitalização da aposentadoria no INSS na Reforma da Previdência Social em 2019

21/01/2019

Empréstimo rápido pela internet: é seguro?

21/01/2019

Fundamentação da tributação dos seguros e das operações bancárias na proposta de código do IVA

18/01/2019

Menores de idade podem ter seguro de vida? Especialista explica

18/01/2019

Menores de idade podem ter seguro de vida? Especialista explica

18/01/2019

Planejamento financeiro para 2019: por onde começar?

18/01/2019

Evolução Digital x Transformação Digital: Qual é a diferença?

18/01/2019

IR 2019: Reúna agora os papéis e tenha chance de receber restituição antes ...

18/01/2019

Saque integral do FGTS em caso de pedir demissão em 2019 pode ser liberado para trabalhador

18/01/2019

Com exterior positivo, Bolsa ganha fôlego extra e chega aos 96 mil pontos

18/01/2019

Dólar tem alta pontual, mas volta a cair com exterior no radar e realização

14/01/2019

O abandono da ideia de fundir Susep e Previc

10/04/2019

IPO da Corsan vai patrocinar concessões


A abertura de capital da Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) está confirmada, mas o governo do Estado vai manter o controle sobre a empresa. A venda de ações será feita até o limite dos 49%, informou o governador Eduardo Leite, nesta terça-feira, durante o balanço dos 100 dias de governo. Com graves limites para ampliar receitas e ainda com contas que não fecham, o governo gaúcho vai usar boa parte dos recursos "para patrocinar novas concessões", que podem não ser atrativas para o setor privado. A medida seria acionada para bancar "concessões deficitárias que exigem maior investimento", detalhou Leite. "O papel do Estado é patrocinar. Em vez de gastar 100% dos recursos, gastará 30%, e o restante virá das tarifas cobradas. A abertura de capital (da Corsan) vai permitir este tipo de patrocínio", disse Leite.
 
O argumento ganha mais força com a tese de que os resultados são maior eficiência e agilidade nos processos. "A sociedade usufrui do benefício, e a iniciativa privada ajuda." O novo presidente da Corsan, a ser anunciado nos próximos dias, deve cuidar dos procedimentos. "Terá a missão de fazer a abertura de capital da empresa", afirmou Leite. O governador não assumiu um prazo para o lançamento de ações na bolsa de valores e lembrou que os preparativos passam por mudanças e estruturação da companhia, atendendo a requisitos para esses processos. A busca por parcerias público-privadas (PPPs) e concessões que podem contar até com aportes públicos para tornar alguns segmentos mais atrativos ao setor privado deve se intensificar no governo, traçou Eduardo Leite. O governador disse que alguns projetos, sem citar especificamente quais, podem ter investimentos com parceria com setor privado. "Um Estado com dificuldades fiscais sequer pode se dar ao luxo de pensar de outra forma", pontuou. Segundo Leite, haverá PPPs para manutenção de escolas e para equipamentos em hospitais. "Vamos assegurar que o interesse privado atenda ao interesse público", garantiu. Leite citou o programa RS Parcerias como a plataforma para endereçar a transferência de infraestrutura ao setor privado e observou que o Estado montar propostas para qualificar a malha ferroviária, que não estão hoje acessíveis a ações do governo, para "provocar o Ministério de Infraestrutura". "A malha encolheu 30% desde 1997", lamentou o governador. Podem entrar neste caixa recursos da venda de mais ações do Banrisul. Leite diz que vai alienar mais papéis, no limite para manter o controle acionário do banco. O governador voltou a dizer que não vai privatizar a instituição. Na segunda-feira, foram vendidos 2 milhões de ações preferenciais por R$ 49,5 milhões. Pela lei do Programa de Reforma do Estado, os recursos devem ser usados na atração de investimento privado em empreendimentos considerados estratégicos. O programa também prevê destinação para o Fundo de Promoção da Cidadania e redução da dívida mobiliária do Estado. Governo gaúcho pode rever alta de alíquotas do ICMS para alguns setores Tópico que deve pautar o governo em 2020 é o fim do aumento da alíquota do ICMS, cuja prorrogação definida no fim de 2018 vigora até o fim do próximo ano. Depois disso, o imposto volta aos parâmetros anteriores a 2016 ou pode ser alvo de nova proposta de alteração. O governador Eduardo Leite disse, no balanço dos 100 dias, que pretende aproveitar a necessidade de definição sobre as alíquotas para uma "agenda de modernização das receitas". Leite deu a entender que a discussão pode significar mais que um simples ajuste e cogitou que pode propor a manutenção do aumento em alguns setores e rever o de outros. "Vamos olhar não só a arrecadação maior, mas melhor. Além disso, queremos simplificar a vida dos contribuintes", pontuou o chefe do Executivo estadual. "Já estamos nos preparando para o que virá depois da prorrogação das alíquotas. Queremos manter o nível de arrecadação, mas tornar o Estado mais atraente para investimentos", afirmou, indicando que os estudos que estariam sendo iniciados pela pasta da Fazenda deverão buscar referências em outros estados para poder equilibrar o caixa à atratividade da carga tributária para o setor privado. O secretário da Fazenda, Marco Aurelio Cardoso, que acompanhou o balanço, disse que as mudanças podem ser comparadas a uma minirreforma tributária. "Mas isso somente em 2020", projetou Cardoso, indicando que a tarefa virá após vencer a pauta da negociação com a Secretaria do Tesouro Nacional (STN), sobre a dívida com a União. O Estado negocia a adesão ao Regime de Recuperação Fiscal (RRF), que passa por aprovação de privatizações, mudanças na previdência e carreiras dos servidores para reduzir impactos de gastos. Meta é aprovar PEC do fim do plebiscito de estatais até junho CEEE, Sulgás e CRM estão na mira das privatizações do governo CEEE, Sulgás e CRM estão na mira das privatizações do governo. O governador Eduardo Leite espera que a Assembleia Legislativa aprove a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) acabando com a exigência de plebiscito para privatizações das estatais CEEE, Sulgás e Companhia Riograndense de Mineração (CRM) até junho. Leite avalia que a base do governo validará o caminho para a aprovação. Na semana passada, a Comissão de Constituição e Justiça aprovou a constitucionalidade da PEC, que encaminha a proposta para votação, prevista para a próxima semana. A medida é parte da estratégia para fechar o acordo com a União sobre a questão fiscal, com adesão ao Regime de Recuperação Fiscal (RRF). "Com as privatizações, reforma da previdência estadual e revisão de carreiras estaremos aptos no segundo semestre deste ano para podermos assinar e adesão ao RRF", declarou o governador. Sobre o acerto com a Secretaria do Tesouro Nacional (STN), Leite disse que está bastante confiante, principalmente se a Assembleia der o aval. Depois da PEC, os focos se voltam à revisão da carreira dos servidores. Estudos estão quase prontos, segundo ele, com um desenho da estrutura atual de cargos e constituição de vencimentos do funcionalismo. Ao contrapor o peso da conta da previdência dos inativos, Leite lembrou que significa metade da receita líquida do Estado. Este ano a conta com aposentadorias e pensões deve superar R$ 14 bilhões. O pagamento em dia dos servidores, que é uma meta até o fim de 2019, foi condicionado pelo governador a conseguir o acordo que pode abrir espaço para contrair financiamentos. Sobre débitos do Estado, Leite citou que há contas pendentes com a saúde, com R$ 488 milhões empenhados e liquidados, mas que não foram pagos e apontou que há quase R$ 700 milhões que "nem foram empenhados", sobre os quais há grande dificuldade para pagar. Débitos com as prefeituras que somam R$ 162 milhões terão plano de liquidação em 36 meses. 'Vou cuidar pessoalmente para que o Cais Mauá saia do papel' Resolvido o impasse com a GM, o governador Eduardo Leite encara outro imbróglio, que é a execução da revitalização do Cais Mauá, em Porto Alegre. Leite afirmou que está cuidando pessoalmente da situação da revitalização e que esta semana ainda deve se reunir com áreas do governo relacionadas ao contrato de concessão da área. O contrato foi assinado pelo consórcio Cais Mauá do Brasil, em fim de 2010, na conclusão do governo de Yeda Crusius (2007-2010), mas até hoje, quase 10 anos depois, não há obras para o complexo que inclui a restauração dos armazéns da estrutura da antiga operação portuária, shopping center e torres comerciais. "O Cais Mauá é um projeto icônico. Estamos revisando a condição que tem os empreendedores de levar adiante o contrato e que não saiu do papel. Devo ter reunião nesta semana para que possamos tomar uma decisão", afirmou. "Vou cuidar pessoalmente para tomar as decisões para que o Cais Mauá saia do papel", comprometeu-se o governador, citando que vai definir o futuro do projeto junto com a prefeitura de Porto Alegre. "Talvez nas condições em que ele está, não seja possível." O governador disse que a reunião será esta semana com a Superintendência do Porto do Rio Grande, que é o fiscal do contrato pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), e Secretaria de Transportes. O projeto sofreu adiamentos desde 2018, mesmo após receber as licenças municipais para obras na área dos armazéns. A primeira fase envolveria a restauração dos prédios, parte deles tombada pelo patrimônio histórico. Mudanças na direção do consórcio e no fundo que bancaria o investimento, que foi estimado em mais de R$ 500 milhões em 2010, marcaram o ano de 2018. Este ano o Cais Mauá anunciou que fará um projeto-piloto com serviços de alimentação e estacionamento. A expectativa era de estrear no aniversário da Capital, mas a entrega foi adiada para o segundo semestre. O projeto diz respeito a um trecho próximo à Usina do Gasômetro, na Capital. Novos policiais e agentes reforçam segurança pública; concursos dependerão da capacidade fiscal Nos próximos dias, 2 mil formandos ganharão as ruas do Estado Nos próximos dias, 2 mil formandos ganharão as ruas do Estado. Em relação à segurança pública, na coletiva de 100 dias de governo, Eduardo Leite afirmou que concursos precisam acontecer identificando a capacidade fiscal do Estado e a necessidade do serviço, que também não é a mesma do passado. "O Rio Grande do Sul já teve 32 mil policiais militares e hoje são cerca de 16 mil. Evidentemente há uma defasagem de efetivo e nós não negamos. Mas, o avanço tecnológico que permite um emprego de forma mais inteligente e adequada dos efetivos também faz com que não necessitemos voltar a um número de efetivo que sequer temos condições de pagar", argumentou. Leite ressaltou que nos próximos dias saem da Academia de Polícia Militar 2 mil formandos, que passarão a reforçar o policiamento nas ruas. Outros 126 agentes serão chamados pela Superintendência de Serviços Penitenciários (Susepe) para segurança interna em presídios. "Teremos que fazer um novo chamamento em função de novos presídios, como o de Sapucaia do Sul e de Bento Gonçalves", garantiu. Leite projeta fazer a recuperação do efetivo ano a ano, de forma responsável. "A melhor estratégia não é a adotada em governos passados, quando se abriu uma grande defasagem e se fez uma incorporação em massa. A formação acaba comprometida e gerando um problema previdenciário lá na frente, quando policiais se aposentam em massa. Além disso, se perde expertise dentro das estruturas com aposentadoria de grandes blocos, perde-se capacidade técnica de quem já está treinado, operando", finalizou.
 
Rio Grande do Sul lança programa de parcerias com iniciativa privada Leite descarta novos incentivos fiscais à General Motors Leite descarta novos incentivos fiscais à General Motors Governo Leite criará unidade para monitorar desempenho de estatais Governo Leite criará unidade para monitorar desempenho de estatais Eduardo Leite edita seis decretos de contenção de gastos Eduardo Leite edita seis decretos de contenção de gastos Capinha Cadastre seu e-mail no formulário abaixo para começar a receber a newsletter diária.

Jornal do Comércio (https://www.jornaldocomercio.com/_conteudo/economia/2019/04/678760-ipo-da-corsan-vai-patrocinar-concessoes.html)
logotipo zepol